http://4.bp.blogspot.com/_IKPbBdpypnY/TLeEb4CLHsI/AAAAAAAAA4k/QDX5Xa8YifA/s1600/Vladimir.jpg

A About.com tem uma nova entrevista com um dos mais novos integrantes de Amanhecer, Noel Fisher. Noel interpreta Vladimir em Amanhecer, um dos vampiros romenos. Aqui Noel fala sobre as filmagens em Baton Rouge, se ajustar ao elenco original, lidar com a pressão de Crepúsculo, entrar na história e seu personagem Vladimir e sobre seu novo filme, Battle: Los Angeles.

Você não pode falar muito sobre Amanhecer, mas já gravou muitas cenas?
Noel: Na verdade, sim. Estou de volta a LA porque tenho uma folga de duas semanas. Já acabamos a parte em Louisiana – todos acabamos essa parte. A maior parte do meu personagem já acabou. Faltam algumas coisas; eu irei para Vancouver a trabalho pela primeira vez. Será divertido – é um bom jeito de voltar para casa. Então filmaremos mais umas coisas. Tem sido muito divertido. Todos são muito legais.

O elenco original se conhece muito em, mas tem muitos novatos em Amanhecer. Como você foi recepcionado pelos veteranos?

Noel: As, muito bem. O legal do set é que todos são muito acolhedores. Você fica com qualquer um que estiver no set, você ganha conselhos dos Volturi veteranos. É uma grande festa. Tomamos conta do hotel Hilton em Baton Rouge. Eram umas 60 ou 70 pessoas, todas ficando no mesmo hotel. Era quase uma fraternidade.

Quais conselhos te deram?
Noel: Os lugares mais legais para visitar, tipo, convenções. Sabe, porque todos tiveram oportunidade de viajar o mundo todo para conhecer fãs maravilhosos. Coisas legais para fazer em cidades diferentes. Eles fazem parte de deste grande mundo que é o fenômeno de Crepúsculo eles apenas queriam recebem os novatos e dizer, ‘Ei, essas são algumas coisas que vocês talvez gostem de ver enquanto estiverem aqui. ’

Eu imagino que de todos os seus papéis, este é o que está sendo mais analisado e comentado devido à grande quantidade de fãs de Crepúsculo. Como você está lidando com a pressão?
Noel: Bom, pra mim é apenas mais um papel, sabe? É definitivamente um nível diferente de exposição, mas na verdade, eu tento me preocupar com a parte que sou responsável. Eu acho que se fizer um personagem bem legal… Eu tive a sorte de ser escolhido para um papel tão legal e tenho a oportunidade de mostrar muito do que não foi visto ainda. Então eu acredito que se fizer isso, a minha parte, o resto se resolve sozinho.

É difícil se preparar para interpretar um vampiro poderoso?
Noel: Sabe o que é engraçado, as lentes ajudam muito. Elas ajudam bastante porque se vê em um espelho e você se sente como um vampiro.

É mais difícil se imaginar como um vampiro sem as presas? Você perguntou a Stephenie Meyer porque ela decidiu criar vampiros sem presas?
Noel: Não. Eu acho muito interessante especialmente porque os vampiros no mundo de Stephenie os vampiros são tão diferentes dos outros que já vimos. Você tem o figurino que é impressionante. Todos os novatos estão muito legais, e todos os veteranos sempre estiveram bem vestidos e continuaram assim. Eles nos deixam muito legais, então você tem o seu figurino, a maquiagem, o cabelo e os olhos, então você incorpora. Assim como em Battle: Los Angeles, você realmente sente que quando coloca isso tudo.

Você sabe a história do passado de Vladimir? Você recebeu algum material de Stephenie Meyer que contenha informação que não tem no livro?
Noel: Eu tive uma conversa com Bill Condon, mas não. Você tem que se certificar que leu o livro – pelo menos eu o fiz. Eu queria dar a certeza que tinha lido livro e que sabia tudo. Eu também fiz um pouco de pesquisa online. Existem tantos [sites] que onde se pode explorar isso online. Todas essas pessoas fizeram pesquisas e conhecem as coisas, passaram muito tempo pesquisando. Você coloca ‘Vladimir’ no Google e um monte de coisas aparece, e você tem uma história.

Imagino que você na teria lido o livro se não estivesse no filme. É verdade ou você gosta de vampiros?
Noel: Eu ainda não tinha lido. Minha mãe é bibliotecária, então já tinha ouvido sobre eles antes, mas não tinha muito tempo para ler. Mas não, eu já tinha visto todos os filmes, então para este eu tinha que realmente ler o livro e ir a fundo à história.

Você fez algo especial para fazer amizade com o ator que faz Stefan?
Noel: Bem, para a minha sorte, Guri Weinberg interpreta Stefan e nós temos uma amizade natural desde o começo. Então isso ajudou. Nós nos demos muito bem.

Vocês fizeram algum teste juntos ou só se conheceram quando estavam no set?
Noel: Nós nos conhecemos quando estávamos fazendo o teste de maquiagem e cabelo no set. Mas foi um daqueles momentos em que você conhece alguém e se dá bem logo no começo. Temos um senso de humor muito parecido, gostamos de irritar um ao outro e fazer bagunça no set. é muito divertido.

Então é igual ao livro, em que um termina a frase do outro?
Noel: Ainda não chegamos lá. Dê-nos mais um tempo.

Você está preparado para a turnê de divulgação? Vai ser uma loucura.
Noel: Sim, eu gosto da divulgação. Eu gosto de conhecer pessoas animadas com o projeto em que estou, pois estou animado com os projetos. Adoro falar sobre eles. Então sim, estou animado para tudo isso.

O diretor Bill Condon não é conhecido por esse tipo de filme. Como você acha que ele lidou com as cenas de ação?
Noel: Eu acho que ele lidou muito bem. As coisas que vi… infelizmente não pude ver a parte da ação, mas eu ouvi – rumores no set diziam que estava incrível. Não, corrija isso. Eu vi uma das sequências de ação. Elas são muito, muito… eu acho que vai ficar muito legal.
A cena que eu vi, a minha parte no filme, não é bem um cena de ação. Mas é legal… tem uns efeitos que eles me disseram que vão colocar.

Segue a história do livro?
Noel: Sim. Certamente.

Então isso significa que ouviremos Jacob Black te chamar de Dráculan° 1?
Noel: Eu não posso te contar isso!

Valeu a tentativa.
Noel: É.

 

Via.

0 comentários:


 

...