Há quem diga que o olhar de fã não é capaz de fazer uma análise crítica imparcial dos filmes da saga. O que tenho a dizer sobre isso? É quase verdade. Realmente os ansiosos olhos de fã vibram com cada cena e com cada aparição de "Edward", "Bella", "Jacob" e cia, o que nos impede de enxergar algumas imperfeições visíveis aos olhos totalmente imparciais de um não-fã. Mas a visão de fã muitas vezes acaba sendo mais exigentes e mais perceptíveis a muitos detalhes que passam desapercebidos por quem não acompanha a história à fundo. Por termos lidos os livros (várias vezes), conhecemos à fundo a trama, os personagens, e qualquer vacilo cometido pela roteirista Melissa Rosenberg ou pelos diretores (David Slade no caso deste terceiro filme), certamente não passará impune. Ontem, tivemos o privilégio de assistir Eclipse em primeira-mão, na pré-estreia exclusiva para a imprensa, no Cinemark do Shopping Paulista. Com uma sala repleta de jornalistas atentos, pudemos assistir ao filme sem o incômodo dos gritos. No máximo gargalhadas em uma ou outra cena ou desaprovações em algumas outras. Não vou fazer a indelicadeza de contar todo o filme como alguns sites fizeram no afã de provar que realmente estiveram na pré-estreia. Prefiro respeitar quem ainda irá assistir, mas confesso que cometerei alguns spoilers ao enumerar minha lista de observações sobre ECLIPSE. Avisado? Então, vamos à crítica:


1) Eclipse inicia sem avisar, já com "Riley" sendo perseguido e atacado por "Victória" introduzindo a abertura da terceira produção da saga. A cena aliás, mostra bem o estilo sombrio de David Slade, dando um certo tom de terror e suspense. Xavier Samuel mandou bem como Riley.

2) A primeira aparição de Edward e Bella, na linda clareira florida, já evidencia a idéia fixa dele em querer se casar - diante da negativa de Bella - e a relutância dele em não querer transformá-la - diante da sua insistência. Tive a impressão, nesta cena, de um Edward inseguro e de uma Bella dona de si.

3) O make up beneficiou Edward, que trouxe de volta a suavidade de Crepúsculo, diferente daquela maquiagem pesada usada em Lua Nova. Já a peruca que Kristen usou para compôr a personagem Bella não convenceu. Era visivelmente perceptível. Aliás, as perucas foram um ponto negativo também para "Alice", "Carlisle" e "Victória", como já havíamos percebido nas fotos antes publicadas. Mas temos de reconhecer que desta vez "Rosalie" e "Jasper" tiveram o visual melhorado. Mesmo o cabelo mais escuro e com uma franjinha estilo "imperador romano louco" de "Emmet" não conseguiu deixá-lo feio.


4) Desta vez pudemos ver uma participação maior dos outros integrantes da família Cullen. Nikki Reed pôde mostrar mais de "Rosalie" e Jackson Rathbone de "Jasper"durante seus flashbacks. As histórias foram bem encenadas. "Emmet" também teve mais cenas, e uma em especial me fez vibrar: quando ele se estranha com "Paul" (Alex Meraz), em sua forma de lobo, durante perseguição à "Victória". Aliás, essa cena da perseguição, com os Cullen de um lado, e os lobo do outro, com um rio ao meio separando os territórios, foi bem emocionante.

5) O triângulo amoroso fica mais evidente neste filme. Jacob se declara e coloca os sentimentos de Bella em cheque. Aliás, palmas mais uma vez para a maravilhosa atuação de Taylor Lautner, que passou maravilhosamente bem as emoções do seu personagem. Ele nos fez rir, ter raiva (as team Edward, certamente), sermos cúmplices e até vibrar com suas cenas. Para quem gosta de ver o "tanquinho" de Taylor à mostra, vai ter uma overdose nesse filme.

6) Júlia Jones, que faz a loba "Leah", foi eficiente em passar toda a antipatia de sua personagem. E foi bom ver Boo Boo, o "Seth", atuando, apesar da pequeníssima participação. O lobo computadorizado que o representa aparece bem mais que ele. E Jessica (Anna Kendrick) apesar de também aparecer pouco faz um discurso de formatura emocionante.


7) A tão esperada cena da cama king size é tal como no livro (com as devidas adaptações, uma vez que o seu contexto é colocado totalmente fora do que é apresentado no livro). Nos arrepia quando começa e termina com um balde de água fria. Só acho que o roteiro poderia deixar mais evidente o porquêe do medo de Edward em não se deixar ir além, apesar de querer. Não foi fácil ouvir alguns jornalistas o chamando de "mariquinha" e coisas do gênero. Mas nem isso tirou o romantismo de ver Edward se ajoelhando e pedindo Bella em casamento, enquanto lhe oferece o anel de noivado.

8) Bryce Dallas que me desculpe, mas não me convenceu no papel de "Victória". Aquela personagem que Rachelle Lefevre conseguiu compôr no primeiro e no segundo filmes (mesmo sem falas em Lua Nova, as expressões faciais bastaram), de uma "Victória" dissimulada e com cara de menina levada, nada tinha a ver com essa "Victória" de Eclipse, com olhares inseguros e amedrontados. Senti falta dos sorrisinhos maliciosos tão bem expressados por Rachelle.

9) Eclipse, apesar de ser um filme "meio a meio", com bastante cenas de "Edward" e "Jacob" (diferente do primeiro, q só teve "Edward", e do segundo q praticamente só teve "Jacob") tive a impressão que, mais uma vez Taylor se destacou e foi beneficiado pelo roteiro.

10) Jodelle Ferland nos deixou compadecidos com o triste fim de sua personagem Bree, julgada injustamente pela malvada Jane, mais uma vez vivida de forma impecável por Dakota Fanning. Ambas mandaram bem em seus papéis de vítima e algoz. E Elizabeth Reaser pôde passar mais daquela expressão de mãezona de "Esme" na sua tentativa frustrada de salvar a pobre Bree.


11) A cena do confronto no alto do penhasco foi o que mais rendeu observações e merece uma subenumeração:
a) Ver a situação de Edward dentro daquela barraca ao ter que aceitar Jacob abraçando Bella para não vê-la morrer de frio, foi de doer.
b) Mas ver o efeito de tempestade e ventania que se passa do lado de fora da barraca e depois ver que, do lado de dentro, a tal barraquinha mal se mexe, foi constrangedor.
c) O mesmo constrangimento se deu quando Jacob abriu o ziper da barraca e nenhum ventinho adentrou o recinto, o cabelo dele não esvoaçou com a suposta "ventania", flocos de neve não apareceram e a pele dele nem molhada estava.
d) O confronto entre "Ed", "Victória", "Riley" e "Seth" - assim como todos os outros que se deram no decorrer do filme - foi cheio de ação e emoção. Aliás, foi um quebra-quebra de vampiro e, apesar de braços e cabeças rolando pra todo lado, não vimos um pingo de sangue (a não ser o de Bella). O diretor deu um efeito de mármore quebrado, quando os vampiros eram estraçalhados.
e) Edward joga o seu zippo aceso em cima de Victória e ela entra em combustão imediatamente. Bem, quanto ao fato de Edward carregar um zippo no bolso a gente pode deduzir que é porque ele já sabia que precisaria do mesmo para queimar a vampirada. Mas o fato de Victória queimar com o simples toque do mesmo em seu corpo me fez pensar se ela havia tomado um banho de algum produto inflamável antes de partir pra briga.


12) Billy Burke foi outro que, mais uma vez mandou super bem no papel de "Charlie". Ninguém faria melhor. Acho ele um ator muito bom, age com muita naturalidade nas cenas e tem uma comunicação boa com a Kristen em cena. Aliás, o que é aquela cena deles conversando sobre "virgindade"? Achei muito boa. Tanto Billy quanto Kristen conseguiram transmitir a situação constrangedora de pai e filha, com muita espontaneidade, arrancando risos do público.


13) Falando nos pais da mocinha, a cena da despedida de Bella com Renee (Sarah Clarke) foi muito emocionante. Linda mesmo. O diálogo, a cumplicidade das duas, o presente super criativo que ela ganha da mãe, de formatura... Sarah também foi muito bem escolhida para esse papel. Ela passa o espírito da personagem e tem tudo a ver com a ensolarada Flórida.


14) E alguns dos atores que fizeram as cenas de flashback durante o conto quileute, merecem ter os nomes divulgados: Peter Murphy é o vampirão da história; a mulher que aparece depois para vingar sua morte é Monique Ganderthon; o chefe quileute Taha Aki é vivido por Byron Chief-Moon e sua mulher que se sacrifica para salvá-lo é Mariel Belanger.

15) O que explica Bella se vestir daquela forma na sua festa de formatura (jeans)? Só mesmo imaginando que, nesse caso, os papéis se inverteram: "a personagem encarnou a atriz". Bella deu uma de Kristen.

No mais, posso dizer que "Eclipse", na minha opinião, foi melhor que os dois primeiros filmes. Só perde mesmo no quesito trilha sonora. Com exceção de Muse, com seu "Neutron Star Collision", de Metric com "Eclipse (All Yours)" e da música que serve de fundo para o treinamento dos Cullen, achei bem fraquinha a seleção musical desta produção. Agora é aguardar a galera assistir à estréia amanhã para trocarmos "figurinhas".

11 comentários:

  1. Mendy disse...

    ATENÇÃO, SPOILERS NOS COMENTS TB!!
    Adorei Mo!!! Foi o melhor filme sim.. o que me deixa feliz e confiante pra BD, ja que a coisa sempre vai melhorando..
    A cena do pedido de casamento foi o MAXIMO. Meu Deus, posso ter um pedido assim tb? Brigada..rs
    Não gostei da nova Victoria tb.. e me irrita ver o Edward apanhando tantooo...
    Na cena da barraca, doeu meu coração... muito....mas achei o Edward bonito naquela cena...não sei pq...
    Riley arrasou!!!
    A alice e o jasper naquela hora que ele termina de contar a historia dele, foi fofo...
    Ah! Qdo o Jacob beijou a Bella eu fechei os olhos...hahahah  

  2. Grasyelly disse...

    Eu não assisti o filme e apesar da ansiedade preferi não ir pra Pré estreia por causa dos gritos e eu sei q se eu for não vou prestar muita atenção "No filme"...vou gritar tamb sabe!?
    haushauhsuah
    tô zoandoo...maas pelo q eu li do roteiro q vazou na net ficou realmente faltando muita coisa!!!
    E eclipse é o livro dos quatro q eu maiiiis amoo!
    então...fiquei meio exigente nesse!
    Que esse está melhor do q os outros dois eu não tenho dúvida!!
    Vou encerrar por aki!
    rsrs

    há!

    Mônica obrigadoo por ter dividido aí com agente o seu ponto de vista!

    TwiBeijoos a todaas as fanpires♥  

  3. May disse...

    Boassss tardessss turminha da clase 402!!!

    Olha turma eu fico feliz por vcs, mas como todos sabem onde eu moro
    não tem previsão de quando o filme vai estreiar, por tanto no seculo em que isso acontecer eu me comprometo em voltar a esse tema e deixar a minha opinião como todas vcs fazem.

    beijos Mo.


    Marye  

  4. May disse...

    Para quem for ver o filme manda um beijo na boca do Carlisle Cullen por mim por favor!!!
    kkkkkkkkkkkkkkkk

    Marye  

  5. Monica Marinho disse...

    Hahahahah! Mando sim, com toooodo prazer! E os cinemas de Boituva têm q se atualizar hem! Pelamor!  

  6. Nina disse...

    Eu AMEI o filme... pra mim ficoua melhor adaptação, mais fiel em todos os sentidos.

    Amei as cenas do Riley com os recém criados...todas elas. Elas mostram muito bem tudo que a gente precisa e queria saber sobre eles e o porque daquela guerra toda. O Javier foi ótimo.

    Eu senti falta demais da Rachelle, mas achei que a nova victória combinou mais com o Riley fisicamente.

    Sério que vc achou que o visual do Jasper ficou melhor? Eu achei o pior de todas as versões... horrível o cabelo dele daquele jeito. a Rosalie tava melhor.

    Adorei os flashbacks... adorei terem mostrado mais os outros personagens...achoq ue eles merecem.

    O Taylor é fantástico mesmo... sou team Jacob (mas nem por isso gosto de ver ele com a Bella e mto menos ela judiando dos sentimentos dele) então pra mim o filme foi o máximo, ainda mais que os quileutes no geral apareceram mais.

    Amei o pedido de casamento, foi super fofo, sincero... acho que o Robert soube passar aquilo do que era antigamente.

    A cena da barraca foi legal demais... perfeita, exatamente como imaginei... adoro o Jake mto sacana nessa hora!

    A luta foi ótima...super Real... G-zuis cristim no Emmmett com aquela cara de bad boy. Não teve sangue pq eles são vampiros (naõd everia ter mesmo eu acho) e a victória pega fogo rápido pq o veneno dos vampiros entra em combustão rápido (fala isso no livro da Bree).

    O Charlie e a renee são ótimos. São muito naturais mesmo nas cenas.

    A única coisa que eu senti falta mesmo foia Bree endoidando quando a Bella chega (por causa do cheiro) e as duas se encarando como se uma entendesse a outra...sei lá!

    No mais... nota 10!  

  7. Monica Marinho disse...

    Adorei seu coment, Nina! Realmente havia esquecido dessa do veneno dos vampiros relatado no livro da Bree. Vc tem razão. E quanto ao cabelo do Jasper, digamos que achei menos pior que em Lua Nova, onde ele aparece com aquele cabelo armadão, parecendo a Aracy Balabanian. No mais, vc mandou bem nos coments.  

  8. Ana Paula disse...

    ahahahahaha, cabelo da Aracy Balabanian foi Ó-TE-MO!  

  9. CahSorriso disse...

    Eu AMEI Eclipse!
    Também não gostei dessa Victoria.. Rachelle fez muita falta na luta com o Edward com aquele jeito ironico de ser.

    Senti falta também da Bella, depois de ter beijado o Jake, fazer todo aquele drama p/ ED brigar, xingar e tudo mais..

    AMEI MUITO MAIS ver o meu Lindo Emmett em várias cenas.. Deu vontade matar o Paul qndo eles brigaram, mas tudo bem hehe

    No mais estou muito empolgada para Amanhecer..Vai chegar a Copa de 2014, mas não vai chegar ano que vem hehe (Sai ano que vem, né Pelo Amor de Deus!)


    AHHHHHHHHH Última cena MUITO ROBSTEN! EDWARD PEGOU NA BUNDA DA BELLA! KKKKKKKKKKK Adorei!  

  10. Chris Ornelas disse...

    Adorei a 'crítica' Mô!!!Bem realista!
    Eu amei o filme, vibrei, gritei, arrepiei, chorei mas nao deixei alguns detalhes passarem despercebido é claro... Quanto a trilha, eu particularmente adorei todas as músicas e as cenas em que foram encaixadas, tipo, Let's get lost, aumentar na batida qnd Bella está indo p a picape... E me derreti com Life on earth e My Love... fora a Eclipse (Metric) que passa em qse todo filme rs... Senti falta de Heavy in your arms, q so passou nos creditos...

    Riley (Xavier) estava incrivelmente lindo e foi extraordinário! Dakota maravilhosa, Kristen Espetacular, Robert mais Edward do que nunca e Taylor o verdadeiro Jacob...mas Ashley e Jackson me chamaram a atenção... lindos, transparecendo o amor que Alice e Jasper tem um pelo outro! E Emmett demonstrou finalmente o seu lado engraçado e caçador de aventuras! Bem... as Pegadas Bella e Edward finalmente foram atendidas... chega de água com açucar né rs... E sinto mt dizer mas a maioria (que graças, é bem pouca) dos fãs da saga que estão falando que não gostaram DO FILME é pq houve as cenas do beijo entre Bella e Jake, mas eles deveriam se conformar que é essa a história do livro... então deveriam falar 'n gostei do Jacob' e não 'Não gostei do filme'

    Mas vamos as poucas observações ruins da minha parte:
    Bom eu ficava incomodada com algumas cenas em que se percebia uma montagem gritante! Tipo na cena final de Victoria... o fundo era totalmente notavel que era falso... sabemos q foi gravado em estudio mas... ficou Fail... e a neve não favoreceu muito o lobo Seth, a computação é quase imperceptível qnd eles estão na floresta, mas na neve, nao foi! Bryce definitivamente não preencheu o vazio que a Rachelle deixou... provando que Rach é insubstituível! Enfim acho que é só...se eu lembrar mais eu volto rs

    E EU SONHO EM DAR UM BEIJO NA CARECA DO TIO SLADE MANOLO!!!

    Beijos @ChrisOrnelas  

  11. Monica Marinho disse...

    Chris, observações muito bem colocadas. Você completou o que estava faltando. E sobre a trilha sonora, começo a mudar de opinião. Realmente a minha lista de músicas está crescendo. Tenho gostado cada vez mais de algumas músicas. Mas por enquanto minhas preferidas são as do Muse e do Metric.  


 

...