Minha crítica sobre o filme

Assim como as 290 mil fãs do Brasil, comprei meu ingresso para a pré-estréia com muuuuita antecedência. Ou melhor, a Tami comprou pra mim. Desde outubro ele estava guardadinho. Fomos para a sessão de 23h55, do Cinemark do Shopping Iguatemi. Apesar do horário, o hall de entrada estava razoavelmente cheio. Esperava que estivesse lotado, mas foi tranqüilo.
Tiramos nossas fotos, para abrir a Campanha do "EU FUI" trajando nossas blusas Lua Nova customizadas, e lá fomos nós para a Sala 6. Os lugares do Cinemark Iguatemi são marcados e nossas cadeiras eram as primeiras da primeira fileira. É isso mesmo. Fila do gargarejo. Ainda bem que as cadeiras reclinavam. Mesmo assim, a bunda ficou doendo. Com aquele telão em cima de mim, quase senti o cheiro do Edward...(rs)
Quando apareceu o logo da Summit, tive uma prévia do que seria o filme. As menininhas comportadíssimas que aguardavam lá no hall, se revelaram twi-hards histéricas. Gritos e mais gritos, acompanhados de vários "shhhhh...", foram uma trilha sonora à parte, do início ao fim. Tudo bem, eu ri. Já estou acostumada com os gritos virtuais das fanpires, seja no blog, seja no Twitter.
E o filme seguiu. Mais ou menos do jeito que eu imaginava. Algumas cenas eu já estava cansada de ver, devido aos vários traillers que baixei no Youtube. Mas foi ótimo conferir na telona. Outras, confesso que deixaram a desejar, como a cena em que Edward some e Bella sai pela floresta atrás dele. Em compensação, outras foram além do que eu esperava, como as cenas dos lobos (tanto da briga entre Jacob e Paul, quanto da briga com Laurent), dos váááários beijos entre Edward e Bella (dessa vez eles compensaram a fissura que as fãs ficaram nos "quase beijos" de Crepúsculo) e todas as dos Volturi. Caraaaaaca!!! Michael Sheen é ma-ra-vi-lho-so. Ele conseguiu transformar uma pequena aparição num show de interpretação. Adoooro ele. A risada "dumal", a fala sussurrada, o olhar de fascínio, admiração, curiosidade e sede. Ele arrebentou. Não vejo a hora de vê-lo novamente em Amanhecer.
A briga entre Félix e Edward e a atuação sádica de Dakota Flaming, como Jane, fazendo nosso lindinho sofrer daquele jeito, também foram tão bem feitas que até gemi. Empatia total. Além, é claro, de Marcos, ao final. Só um gesto e umas poucas palavras mostraram a majestade do vampirão. Caius, que entrou mudo e saiu calado, não sei nem o que dizer. Não quero forçar uma barra e dar 10 geral. Nem Robert (e agora sinto que vão me praguejar) estava na sua melhor performance como ator. Me desculpem... e não direi mais nada sobre isso. E olha que sou Team Edward total.
Taylor, ao contrário - e justiça seja feita - estava impecável. O menino agarrou sua chance como protagonista com unhas e dentes e merece todos os elogios possíveis. Ele passou cada sentimento quando tinha que passar: simpatia, timidez, raiva, desejo ... E aquela olhada para o Mike, no cinema, quando ele volta do banheiro.. Hahahahah! Muito bom. 10 para Taylor.
Ashley Greene, Carlile, Jasper e Emmet são os únicos da família Cullen a ganhar dedo polegar para cima. Não tenho o que dizer de Esme ou Rosalie pois não fizeram muita diferença. Aliás, retificando, Rosalie merecia um cabelo melhor. O cabeleireiro dela deve ser o mesmo do Jasper. Não é possível. Conseguem deixar os dois feios. E a gente sabe que os atores são bonitos. O que será que acontece?
A atuação de Vitória, a última vivida pela nossa querida Rachelle Lefevre, também foi grandiosa. Aquelas olhadas dela, a postura, muito linda. Vai deixar saudade nesse papel. Vamos aguardar para ver Bryce Dallas em Eclipse...
A trilha musical não me agradou muito. Tirando uma e outra música, achei que a maioria não se encaixava com as cenas ou não passava a emoção certa. Mas já vi muita gente elogiando, então pode ser apenas questão de gosto mesmo. Me agradou muito a música de Bella vendo os meses passar, "Possibility", de Lykke Li. Fora Meet Me On The Equinox, do Dath Cab For Cutie; I Belon To You, do Muse; e Satellie Heart, da Anya Marina, que também adoro. Mas as instrumentais, não sei, não bateu a química...
No mais, tudo perfeito. Todos. Até o corpinho magro de Edward em contraste com os músculos bronzeados de Jacob, estava lindo. E o final em que.... Rá! Relaaaaaxem, não sou louca de contar. Vejam e confiram.
Domingo estou lá de novo para ver mais detalhes e tentar enxergar com bons olhos cenas que não me passaram uma boa impressão na pré-estréia. Quero ver, inclusive a tal orquídea da capa do livro, na cena em que Carlisle queima as gases do ferimento de Bella.
Espero não ter falado demais e sido spoiler.
Até o próximo post.

6 comentários:

  1. Mendy disse...

    Concordo com vc. Nem tenho muito mais o que dizer... So que é melhor vc nem aparecer na minha frente, pq vou te pegar na porrada! Falar mal do rob?????? hahahahahaha
    brincadeira. Eu tb não gostei tanto, qto achava que gostaria, mas esse filme não foi o dele mesmo! Vamos aguardar Eclipse, que ali ele vai ter que se superar...
    Sensacional o Michael Sheen. Ele é sensacional!! Dumal mesmo!!!!
    E os beijos...ai ai.. aquele que ela pede (posso falar pq tem varios videos no YT). meu, ele da uma gemida, que aff viu?! aff...rs
    O bom que, pelo que parece, as coisas estão evoluindo neh?  

  2. Monica Marinho disse...

    Hahahahahah! Eu sabiaaa!!! Ainda bem que vc concorda. E realmente esse não era o filme dele. Os próximos, ainda mais com essas "evoluções" nos beijos" (rs) serão beeeeem melhores para o nosso vampiro gostoso.  

  3. Anônimo disse...

    Ah gente Taylor ganhou o coração de todos ele se destacou e mostrou que fez por merecer o papel de Jacob. A Kris eu achei que evoluiu muito no papel de Bella meu pobre Rob ficou na msm mais só de ouvir a voz dele e ver ele na telona me derreto toda ^^
    Tbm não percebi a cena do Carlisle queimando as gases e formando a flor preciso assistir de novo ;P
    Ah comentaram tbm sobre o PC da Bella mais não vi diferença nenhuma a unica coisa que foi add foi a impressora que em Crepusculo não apareceu.
    E meninas preciso comentar AMEI aquele sorriso do Jasper na hr da votação e o jeito td irmão do Emmet. Sobre a trilha sonora de 1ª eu tinha ODIADO achado pessima mais qnd ouvi ela no filme adorei se encaixou perfeitamente *-*
    Rose e Jasper precisam de um novo cabeleleiro URGENTE msm se quiser passo o numero do meu ;P
    Bom vou parar de escrever se não vou contar td o filme ;X


    Beijos @nathy_bells  

  4. Mendy disse...

    Vixi.. eu ate vi ele queimando a gase mas em nenhum momento percebi que "virava" uma flor...rs
    Vou assistir mais umas 5 vezes pra verificar rs  

  5. Monica Marinho disse...

    Não é a gase que se transforma em flor... Acho. O que entendi a menina dizer no Twitter é que ao fundo, na mesa, tinha uma tulipa igual a da capa do livro. Bem, vamos ver amanhã. Também acho que terei que rever umas 5 vezes ou mais... Sou meia desligada, sabe... Hahahahahahah!  

  6. maryeanna disse...

    Vixe cara como assim o Carlisle não aparece muito? Mas tipo esse muito é tipo somente 2 cenas, sim porque se for olha fracamente uie corto meus pulsos dentro do cine brejo, juroooo cara, po como assim meu gato garoto ahhhhhh nem vou falar nada quando eu ver deixo aqui minha opinião sobre meu Carlisle kkkkkkk >>> Meu olha o detalhe da minha loucura.
    Agora vcs não foram as unicas a dizer que o Rob não tava 100% e que o Tay estava melhor que no 1°.
    Vamos ver quando o Cine brejo estreiar la irei eu ver a vampirada.
    Beijos... quero o meu Carlisle aparecendo cara, nossa agora ja to meu revoltada com a coisa, kkk kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.  


 

...